Searching...
quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Festival do Meio-Outono na China

Enquanto o Brasil, está entrar na estação das flores, a China, à semelhança da Europa, está a despedir-se do Verão (que este ano foi o mais quente dos últimos 146 anos na China) e a preparar-se para o Outono.
O que se destaca no Outono na China é o Mid-Autumn Festival (Festival do Meio-Outono) e os tradicionais Bolos da Lua, que podemos compará-los com a invasão dos ovos chocolate na Páscoa, no ocidente. Estes espalham-se por toda a cidade, desde as pastelarias mais requintadas, até aos cafés e às prateleiras dos supermercados.


Com o passar dos anos e com a maior influência ocidental na China, os bolos da lua vão-se diversificando em inúmeras formas, sabores e tamanhos. Apesar de serem carregados de calorias (cerca de 800 por bolo) são vendidos aos milhões e trocados como presentes entre familiares e colegas de trabalho. Para quem vive na China e/ou convive com chineses, um pouco de conhecimento sobre os bolos da lua pode ser bastante vantajoso.


As lendas em torno dos bolos da lua são variadas. As origens vem da Dinastia Tang (619-907), quando os bolos redondos foram distribuídos pela primeira vez. De acordo com a tradição popular, os bolos da lua eram usados para enviar mensagens secretas numa rebelião Han contra o domínio Mongol no sec. XIV, que viria a precipitar a queda da Dinastia Yuan.
No entanto, a lenda mais famosa é a da “Senhora da Lua”, uma deusa imortal chamada Chang Yi. Segundo a lenda, o calor que irradiava do Sol estava a matar todas as plantações. Então, o rei chamou o Hou Yi, o melhor arqueiro da Terra, para derrubar 9 dos 10 sois. Hou Yi recebeu em troca a pilula da imortalidade pelos seus esforços, porém, quem ingeriu a tal pilula foi a sua esposa Chang Yi. Depois de tomar, ela flutuou em direção ao céu e reside até hoje na Lua. Os bolos da lua são oferecidos a ela durante o Festival.


A maioria dos bolos tem um recheio de ovo, que é o símbolo da Lua.
O tipo de bolo da lua mais famoso é o de Suzhou, cuja origem já tem mais de mil anos. É relativamente pequeno e redondo, com massa macia e grandes quantidades de açúcar.



Existem outras variantes do Bolo da Lua, tais como o de mooncake cantonês e o de Yunnan. Os bolos da lua contemporâneos contêm vários tipos de recheios, incluindo chocolate, café, iogurte e tiramisu. Inclusive é possível encontrar no mercado alguns com baixa percentagem de gordura.
Mas, os que os estrangeiros geralmente se aventuram a provar são os mooncakes vendidos nos Starbucks, Haagen Dazs e alguns outros locais com influência ocidental. 


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Enviar um comentário

 
Back to top!