Searching...
segunda-feira, 2 de julho de 2012

Culinária Chinesa: Dumplings

Uma iguaria tradicional do Norte da China, é um dos pratos imprescindíveis no menu do Ano Novo Chinês.
A sua história remonta aos tempos antigos da dinastia Han, 200 anos a.C, embora a literatura antiga faça referência a um período muito mais longo.
Crê-se que a sua origem esteja ligada a um jovem antepassado, assim como à famosa fábula “Pan Gu”.
Conhecido como um bolinho em formato de meia-lua, este é tradicionalmente acompanhado por sopa, embora a base varie nas diferentes regiões. Contrariamente ao que se possa pensar, a sopa tornou-se apenas um acompanhamento deste petisco durante a dinastia Tang.
Quanto à forma e ao recheio, não há uma regra específica. Podem ser redondos (baozi) ou em formato de meia-lua (jiaozi). O recheio pode ser doce ou salgado; de legumes, carne ou frutos do mar.
Sua delicadeza e textura tornaram-no num dos pratos mais desejados e o alimento ideal para a abertura do Festival da Primavera que marca o início do Ano Novo.


Receita

Ingredientes para a massa
• 500g de farinha de trigo
• 200ml de água morna
• 1 colher de chá de sal

Numa tigela, coloque a farinha e o sal e vá acrescentando a água aos poucos, mexendo sempre até que a mistura fique homogénea. A massa não pode ficar pegajosa; ela deve descolar-se facilmente dos dedos.
Quando estiver no ponto, deixe-a repousar por 30 minutos numa tigela devidamente tapada e polvilhada com farinha de trigo.
Coloque um pouco de farinha sobre uma superfície lisa e estique a massa até ficar bem fina. Depois, com um copo, faça pequenos círculos.

Ingredientes para o recheio de carne
• 1kg de carne moída (preferencialmente de porco)
• 1/3 de um pé médio de acelga
• 1/3 de um pé médio de repolho
• 3 dedos de gengibre ralado
• 1 colher de sopa de molho shoyo
• 1 colher de café de vinagre de arroz chinês
• Sal qb
• Glutamato monossódico (Ajinomoto) qb

Numa tigela, misture a carne com o gengibre. Acrescente o sal, o shoyo e o vinagre. Incorpore à mistura o repolho picado e a acelga. É importante que todos os vegetais estejam bem picados para que não perfurem a massa do Jiaozi.
Pegue nos pequenos círculos e coloque no centro da palma da mão. Depois encha com o recheio (o equivalente a uma colher de café). Feche a massa no centro superior e, depois, comece por fechar um dos lados com pequenas dobras. Certifique-se de que a massa esteja bem fechada, para que a massa não abra durante o cozimento. De seguida, coloque-os num prato polvilhado com farinha de trigo.
Quando a água estiver bem quente, coloque os Jiaozi um a um e tape a panela. Quando voltar a ferver, acrescente um copo de água fria. Repita o processo por duas ou três vezes. Retire-os da água com uma escumadeira e estão prontos a servir.
Nota: Acompanham-se com molho de soja.

Artigo escrito pela colaboradora Vanessa Cardoso.  Quem tiver interesse em colaborar connosco saiba mais aqui.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Enviar um comentário

 
Back to top!