Searching...
domingo, 6 de novembro de 2011

Os Três Reinos (三國)

O período dos Três Reinos é um dos mais sangrentos da história chinesa. Situa-se entre os anos 186 e 265 e constituído pelos reinos:
  • Wei (liderado por Cao Cao)
  • Shu (liderado por Liu Bei)
  • Wu (liderado por Sun Quan)
Já em 184, a decadência da Dinastia Han era bem visível. Com o poder militar nas mãos dos generais, o pequeno imperador não passava de um fantoche. Sob um sistema corrupto e com poder militar muitos aspiravam tomar o lugar do imperador levando a uma desunião que viria a dar início ao período chamado as Seis Dinastias. Contudo, muitos deles não escaparam à conquista de Cao Cao. A ascensão de Cao Cao é difícil de relatar por falta de informação. Mas pode-se dizer que ele passou de um simples eunuco a um dos mais poderosos no período dos Três Reinos. Sob o pretexto de ajudar o imperador a restaurar a Dinastia Han, Cao Cao consegue reunir vários generais a seu favor, muda a corte imperial para a sua cidade natal,  Xuchang e expande o seu controle.  

Entretanto Liu Bei juntamente com os seus irmãos de sangue, Guan Yu e Zhang Fei, também criou o seu próprio exército. Inicialmente com um exército pequeno, Liu Bei tinha que se aliar a outros generais com maior poder militar para garantir sobrevivência. Só após ter encontrado Zhuge Liang, um excelente estrategista, nomeou-o o Mestre do exército (军师 pinyin: junshi) e começou a ganhar mais territórios.
Wu foi fundado por Sun Jian (pai de Sun Quan). Após a sua morte, o comando passou para o seu irmão mais velho Sun Ce. Contudo, este morreu vítima de um assassínio de um reino inimigo e o poder passou para Sun Quan.

Em 208, Cao Cao possuía o maior exército seguido por Sun Quan e Liu Bei. Nesse ano, Cao Cao marchava para sul com a intenção de unificar o resto do império. Sun Quan aliou-se a Liu Bei para enfrentar Cao Cao. Apesar destes terem apenas 50 000 mil homens contra o gigante exército de Cao Cao de 200 000 mil homens, o território de Wu dava-lhes uma vantagem comparativa a nível de terreno. Para atacar Wu, tinham que batalhar na água e Wu era bem conhecido pelo domínio das águas e a experiência de lutar com navios. E é precisamente essa vantagem que lhes permitiu incendiar os navios de Cao Cao e saírem vitoriosos. Esta batalha ficou conhecida como a Batalha de Chibi (Battle of Red Cliffs) e este foi decisivo para a criação oficial dos três reinos.

Após a derrota Cao Cao foi obrigado a recuar para norte e entretanto Liu Bei aumentou o seu exército. Para Sun Quan, apesar de ser difícil de ser atacado, pelas características territoriais específicas, também era difícil expandir e manter o controlo sobre outros terrenos. Face à crescente exército de Liu Bei, Sun Quan aliava-se a Cao Cao ou a Liu Bei conforme lhe fosse conveniente.

Em 220, Cao Cao morre e o seu filho Cao Pi sucede-lhe. Ainda no mesmo ano, Cao Pi força o imperador a abdicar-se do trono e auto proclama-se imperador iniciando o Estado de Wei. No ano seguinte, Liu Bei, também cria o seu próprio estado e auto proclama-se o imperador de Shu. 
Em 222, numa tentativa falhada de atacar Wu, Liu Bei morre e o seu filho Liu Chang sucede ao trono. Mas com apenas 16 anos, Zhuge Liang é nomeado seu regente. Após o falecimento de Zhu Geliang o reino de Shu não perdurou e foi derrotado pelo Wei. 
 Um dos eunucos do Estado Wei, Sima Yi, outro grande estrategista, revoltou-se e criou uma nova dinastia, Dinastia Jing. Sob os constantes ataques deste novo império o Estado de Wu saiu derrotado. E este marcou o fim do período dos Três Reinos.

Existem várias séries sobre este período, sendo o mais recente o Três Reinos (三國) de 2010.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Enviar um comentário

 
Back to top!